| |

7 - Brancos ultra-secos, neutros


Refrescantes, tem sabores que não abalarão o mundo - mas resfrie-os e coloque-os ao lado de um prato de crustáceos e eis a combinação perfeita. Estes vinhos podem não parecer muito instigantes, mas há ocasiões em que não convém sobrecarregar o paladar com sabor de carvalho ou de frutas tropicais. Na França, o Muscadet do Vale do Loire é o mais neutro de todos. Na Itália, quase todos seguem essa norma, pois, os italianos não gostam que seus vinhos brancos sejam aromáticos. Já no Novo Mundo não existe este estilo, os vinhos brancos são mais encorpados e mais saborosos.

Fonte / Foto - Vinho - O guia fundamental para o apreciador moderno - Oz Clarke

0 comentários:

Postar um comentário