| |

O vinho e a mulher

" Como o vinho posso ser seca, tinta, suave, encorpada. Me diga teu gosto que assim serei, para ser degustada, e, aos pouquinhos, então desvendada."

Autora - Carolina Salcides (Publicado no Recanto das Letras)

2 comentários:

Aleatório Cotidiano disse...

Post muito interessante!

Leonor Batista disse...

Realmente, muuuito interessante!

Um grande abraço.

Postar um comentário